Efeito dos Esteróides Anabolizantes

Esteróides Anabolizantes expressão ligada ao mundo do fisiculturismo, são substâncias que interferem no sistema hormonal, com o objectivo de gerar um aumento muscular (anabolismo), força e resistência provocando assim um conjunto de fenómenos de síntese orgânica como o crescimento celular e adrogênicas (no que refere aos caracteres sexuais masculinos) promovendo a testosterona entre outras hormonas que potenciam a hipertrofia, como a hormona do crescimento GH, IGF-1 entre outras menos recrutadas por métodos naturais como as da tiróide.

É deveras importante referir a existência de esteróides para determinados fins, como por exemplo no combate ao cancro, combate à queda de cabelo, problemas de articulações, ossos etc...

O facto de ser um esteróide revela-se na sua composição química, sendo que são substâncias que apenas devem ser administradas em casos extremos, uma vez que por norma acarretam inúmeros efeitos secundários.

Neste artigo referimos então os esteróides anabolizantes cujas finalidades são meramente estéticas e não terapêuticas como nos casos em cima anunciados.

Os esteróides anabólicos podem produzir inúmeros efeitos fisiológicos como maior síntese proteica (melhorando a absorção de proteínas pelo corpo), massa muscular, força, resistência, apetite, crescimento ósseo, assim como efeitos psicológicos, como maior foco/atenção, vontade de levantar peso... tornando-os assim com características perfeitas para um verdadeiro Bodybuilder.
Por outro lado, os esteróides anabólicos também geram diversos efeitos colaterais (a curto e longo prazo) quando são administrados em doses excessivas, e esses efeitos incluem:

- a elevação do colesterol (aumenta os níveis de LDL e diminui os de HDL);
- diversas doenças a nível do fígado e rins;
- geração de diversos tipos de tumores;
- aparecimento de hematomas em diversas partes musculares do corpo;
- pressão sanguínea elevada;
- risco de diversas doenças cardíacas;
- acne;
- possíveis alterações na morfologia de várias zonas do corpo (crescimento anormal de um membro do corpo em relação ao outro, como por exemplo uma mão);
- alterações comportamentais, como o humor;
- etc.


Muitos dos componentes usados nos esteróides anabolizantes foram estudados/analisados e considerados altamente prejudiciais à saúde, sendo então retirados e proibidos no mercado em diversos países, onde hoje em dia se conseguem encontrar por métodos de tráfico no chamado "submundo".
Contudo a procura por este tipo de substâncias continua crescente, uma vez que é um mercado que gera muito dinheiro a quem vende assim como resultados muito rápidos e visíveis a quem compra.

Se definirmos uma extremidade com que se poderia ingerir estas substancias hoje em dia, certamente falaríamos de fisiculturistas da mais alta competição cujo o corpo já não pode evoluir muito mais, recrutando assim a ajuda dos esteróides para poder gerar mais ganhos. Infelizmente hoje vemos a sua aquisição por parte de jovens que preferem escolher o caminho mais fácil em vez de suar um pouco mais e obter também bons resultados juntamente de uma boa alimentação sem causar efeitos secundários.

Resto do Post

0 comentários