Colesterol LDL e HDL

Sempre que se fala de colesterol ficamos com uma má impressão perante esta palavra. Na verdade, de que se trata o colesterol? O que são o ldl e o hdl?

O colesterol trata-se de uma gordura produzida pelo fígado, ele é portanto uma gordura natural tendo assim a sua utilidade para o nosso organismo. Sendo o colesterol um constituinte da bílis ele desempenha um papel fundamental na digestão, alem de ser necessário para a formação e constituição das membranas celulares ou plasmáticas. Também tem a sua importância na constituição de certas hormonas e no metabolismo de certas vitaminas como é o caso da vitamina D (tratando-se de um percursor ou transportador). Porem quando em excesso, esta gordura pode-se tornar altamente prejudicial á saúde.


LDL e HDL

Consideremos estas duas lipoproteínas, que desempenham um papel diferente no transporte do colesterol no sangue:

LDL – O ldl (Low-density lipoprotein) é demoniado por “mau cholesterol” uma vez que causa o entupimento das artérias derivado da sua deposição, impedindo a boa circulação do sangue.

HDL – O hdl (High-density lipoprotein) é denominado por “bom colesterol” uma vez que tem o efeito contrário do ldl, sendo que então elimina o excesso de colesterol das artérias evitando portanto a sua deposição e entupimento.

Como podemos verificar, o último “L” de cada colesterol, corresponde á palavra lipoproteína. Lipoproteína é a junção de uma proteína a uma gordura de modo a que então esta gordura possa ser transportada na corrente sanguínea. É isso que acontece com estas formas de colesterol, pois caso não se agregassem a uma proteína, devido a sua forma insolúvel no sangue não se poderiam deslocar.


Onde se situa o perigo?

A causa do colesterol alto pode ter diversas origens, podendo derivar-se da genética da pessoa, excesso de peso, falta de exercício físico ou provenientes de uma má dieta. Ainda assim existem factores de risco para pessoas com hipertensão, diabetes, fumadores, idosos, assim como pessoas com problemas cardíacos.

Outro dos perigos do colesterol é que ele não apresenta sintomas, até que ocorra uma obstrução das artérias, por isso é deveras importante a sua prevenção, controle, assim como efectuar uma análise periódica ao sangue.


Prevenção e tratamento

Deve-se ter atenção relativamente á ingestão de gorduras saturadas e substituí-las por gorduras insaturadas (origem vegetal), assim como praticar exercício físico regular e tentar diminuir o excesso de peso (caso seja necessário). Contudo o excesso de colesterol pode persistir e aí será necessário acompanhamento médico de modo a possibilitar a prescrição de uma medicação eficiente.



Em que valores se deve situar o colesterol?

Colesterol Total: - de 200mg por dl
LDL “Mau Colesterol”: - de130mg por dl
HDL “Bom Colesterol”: + de 45mg por dl

0 comentários